quarta-feira, julho 23, 2008

GAROTO MORDE PITBULL PARA SE DEFENDER

Para se defender do ataque de um cão da raça pitbull um garoto de 11 anos mordeu o pescoço do animal na tarde de ontem, em Sabará, região metropolitana de Belo Horizonte.

O fato inusitado aconteceu quando Gabriel Alexandre da Silva brincava no quintal de casa e resolveu mexer com o cachorro. Ao ser atacado ele gritou por socorro e, como ninguém apareceu, resolveu a situação a seu modo. Deu uma mordida no pescoço do pitbull.

A decisão de Gabriel fez com que ele tivesse êxito e se livrasse do animal, no entanto, acabou ficando sem um dos dentes, que ficou preso na pele do cão com o impacto da mordida.

O garoto foi atendido no Hospital João XXIII, levou alguns pontos no braço e em seguida foi liberado.

Alguns pedreiros que trabalhavam nas proximidades ajudaram a prender o pitbull que foi levado para o Centro de Controle de Zoonoses e ficará em observação por dez dias.

Segundo informações da família, o animal era dócil e estava acostumado com a criança.

Minas Gerais tem uma lei estadual desde 2006, que regulamenta a venda e a criação de cães ferozes e obriga os donos de 17 raças, dentre elas o pitbull, a cadastrarem seus animais.

De acordo com levantamento do Corpo de Bombeiros, desde o início do cadastramento, houve uma dimunuição significante nos ataques por cães, que caíram de 20, para apenas cinco ataques diários.

Para cadastrar o animal, o dono deve comparecer ao Corpo de Bombeiros de sua cidade levando original e cópia da carteira de identidade, CPF e um comprovante de endereço. O animal deve estar com uma coleira e focinheira e seu dono deve ainda aprensentar o seu cartão de vacinas em dia. Este serviço é gratuito.

Fontes: Portal G1 e Super Notícias

3 comentários:

Julinho disse...

MENINO CORAJOSO!! É PREFERÍVEL PERDER UM DENTE A PERDER A VIDA...SE DEFENDEU BEM. PARABÉNS PRA ELE. PARABÉNS!!

Guilherme Freitas disse...

É a famosa inversão dos papéis. Mas cá pra nós...tem que ter coragem de encarar um pitbull nos dentes.

Anônimo disse...

Temos que arrumar o trabalho pra ele em Brasilia rsrsrs.
tipo ! no ministerio...
o lugarzinho de homem sem coragem.