segunda-feira, julho 14, 2008

JOVEM EXECUTA A PRÓPRIA FAMÍLIA EM UNAÍ

Um rapaz de 22 anos matou os pais e duas irmãs no último final de semana em Unaí, cidade mineira a 600 km da capital. O brutal assassinato ocorreu na madrugada de sábado na casa em que Fernando Ribeiro da Costa vivia com a família. Ele confessou ter matado os quatro parentes após uma discussão com os pais.

Segundo a Polícia Militar, alguns vizinho da família ouviram gritos de socorro por volta das 3 horas da madrugada e tentaram saber o que estava se passando na casa. No entanto, o rapaz apareceu na janela e disse que nada de grave estava acontecendo. Para espantar os vizinhos ele alegou que uma de suas irmãs tinha passado mal, mas já estava melhor.

Ao amanhecer, um vizinho resolveu olhar a casa por cima do muro e, ao deparar com um dos corpos e manchas de sangue, acionou a polícia. Após a chegada da polícia os outros corpos foram encontrados. O autor do crime fugiu e foi localizado pelos policiais na casa de sua noiva. Ele não resistiu à prisão.

De acordo com o delegado regional, Celso Ávila, Fernando contou friamente em seu depoimento como matou a família. Ele teria discutido com o pai e o alvejado com 18 golpes de canivete. Em seguida sua mãe tentou intervir e foi atacada com 12 perfurações. Não satisfeito o rapaz foi ao quarto onde estavam as duas irmãs de 10 e 19 anos e as matou com várias canivetadas.

Segundo informações de vizinhos à polícia, o jovem aparentava ter um bom relacionamento com a família. O pai dele, Valdeci Ribeiro dos Santos, 48 anos, era motorista de ônibus, a mãe, Maria Conceição da Costa, 35 anos, dona de casa e as irmãs eram estudantes. Já Fernando trabalhava como balconista. Ainda segundo vizinhos e parentes, o rapaz não bebia nem fumava e tinha bom comportamento.

A cidade parou para prestar homenagens aos corpos de seus conterrâneos. Segundo o Portal Uai, mais de 10 mil pessoas compareceram ao velório.

3 comentários:

Mario disse...

Eu conheçia a Familia DE Valdeçir.. moravamos Vizinhos; Aqui no Parana.Nao da pra crer..

Franciele disse...

SOU A NORA DELES E REALMENTE E INACREDITAVEL

Franciele disse...

QUERIA SABER OQ SE PASSA PELE CABEÇA DELE AGORA DEPOIS DE NOVE MESES SEM APRESENÇA DELES.